Santo Michael Moore?

Não, longe disso, mas uma discussão recente com um amigo fez-me lembrar a necessidade de tirar este Sr. do Pedestal.


Social astrophysics

A questão essencial (…)

35:21 – 36:03


A extrema-direita

Signifique o que significar este rótulo a verdade é que tem se observado, com maior proeminência na Europa do norte, um crescimento de partidos nacionalistas e quasi ou totalmente anti-imigração (o que alguns apelidam, e não sem alguma razão, de xenofobia). O The Economist publicou um artigo quinta feira passada que analisava este problema em vários países do arco do norte. Escrevendo sobre um partido finlandês “…It adopts an anti-immigrant pose, but its signature issue is hostility to the European Union and particularly the bail-outs of poorer southern members of the euro by fiscally prudent northerners. Its influence may already be visible in the hard line struck by the Finnish government in recent euro-zone negotiations.” o Economist conclui então que “Other countries have not been immune to the far right’s rise. Since 2009 the British National Party has been represented in the European Parliament. The Vlaams Belang remains a force in Belgium’s dysfunctional politics. The virus, it seems, is spreading.”

http://www.economist.com/node/18398641

Proponho a visão de um Historiador Americano (Conservador) que tinha visto no youtube o ano passado. Apesar de não concordar com alguns pontos considero interessante a sua visão sobre o problema da mobilidade social dos imigrantes na Europa.

3:52 até 6:25


Virtude?

antigo mas bom.


Governo, empresas e saúde.

uma opinião.  36:00 – 37:20